Que não fale de amores sem esperança
De crianças que não correm pelas ruas
Das gargalhadas que não ouço mais.

Escreve-me uma Poesia que me fale de teu querer
De um querer apaixonado que envolve todo o meu ser
Que me faz ser amena e doce na grandeza de te ter

Não me deixes ir sem me enlaçar em teus braços
Sem me aconchegar em teu corpo
Na doçura de teus beijos que meus lábios procuram

Uma Poesia onde serei apenas Amor
Que te livrará de toda e qualquer dor
Mas escreve-me agora tudo o que sentes
Dá-me teu Amor como se eu fosse uma Flor!

Eda Carneiro da Rocha
" Poeta Amor"



 

Menu ::: Voltar ::: Envie essa Página

 

 

::: CrysJuanGráficos&Design :::